O cinismo contemporâneo

Vladimir Safatle fala sobre o cinismo contemporâneo. O riso é originariamente reconciliador. Ao longo da história da filosofia, todos lhe deram um lugar, sem que ele deixasse feridas no espírito. Hoje cabe pensar ao inverso: com a ajuda da dialética negativa de Adorno, e com a metapsicologia de Lacan. Não haverá no riso, além da sua positividade classicamente reconhecida, algo de puramente negativo, que só se manifesta plenamente no nosso mundo contemporâneo?

LEIA MAIS